Google e Apple não exigem mais um diploma universitário

Google e Apple não exigem mais um diploma universitário

Por muito tempo a parte mais importante de seu currículo foi onde você apresentava sua formação, sem contar com a obrigatoriedade de um diploma para exercer vagas de setores específicos, mas parece que em breve isto deixará de ser um empecilho.

O sistema de ensino que utilizamos até hoje foi iniciado na Inglaterra do Sec. XVIII por conta da demanda da Revolução Industrial e que com o passar dos anos permaneceu quase intacto. Continuamos com o mesmo sistema, só que aplicável aos pensamentos e situações atuais, e isto não parecia ser a melhor das ideias.

Pois bem, parece que este sistema vem caindo no desuso e uma das provas de que isto esta acontecendo é o fato de grandes empresas do Vale do Silício anunciarem que não exigirão mais diplomas de seus candidatos.

Vivemos em um mundo onde as transformações acontecem muito mais rápido do que aconteciam em séculos passados. Segundo o Fórum Econômico Mundial, mais de 60% das crianças que se encontram no primário vão trabalhar com áreas que ainda nem existem.

Hoje as informações circulam com muito mais velocidade e temos a facilidade de estarmos a um clique de qualquer notícia do mundo e em tempo real. O conhecimento é absorvido de outra forma e vemos que isso é um fato quando situações como estas acontecem, onde empresas de grande porte não se importam mais em como você aprendeu, contanto que você saiba sobre o assunto.

O que se pode esperar são mais mudanças e provavelmente mais rápidas e mais efetivas.

Fonte: Olhardigital

Sem comentários

Publicar Comentário

19 − 11 =